Real Madrid sinaliza interesse e recebe preço previsível dos Spurs por Harry Kane

Brahim Diaz no Real Madrid - Brahim da Máfia Merengue
Brahim Díaz
12 de janeiro de 2019
Vinicius Jr. pode ser relacionado para enfrentar o Betis apesar de gripe, diferente de Casilla, que deve ir para o Leeds
12 de janeiro de 2019

Ingleses pediram €350 milhões para liberar o atacante para o Real Madrid

Compartilhe

Dê uma nota pra esse post:

O diário AS traz em sua edição de hoje (12/01) que o Real Madrid deseja contar com o atacante inglês Harry Kane (25) para a próxima temporada. A consulta teria sido feita antes das festividades de Natal, com o intuito de negociar nos próximos meses para que o capitão do Tottenham e da Seleção Inglesa faça parte do elenco do Real Madrid a partir da temporada 2019/2020.

Daniel Levy, Presidente dos Spurs, teria determinado o desorbitado preço de €350 milhões. Uma pedida completamente fora de mercado, mesmo sendo pelo melhor do mundo atualmente, mas também bastante previsível, uma vez que Levy é conhecido por ser um duro negociador, que estipula preços exagerados de modo a proteger seus atletas e conduzir as negociações até os últimos dias das janelas de transferência, momento que começa a abaixar suas pretensões e os processos se concluem. Apesar da boa relação entre os clubes, as transferências de Modric e Bale para o Real Madrid ocorreram de forma semelhante, portanto não é algo novo e os merengues sabem como devem se portar nesta possível negociação.

O próprio periódico traz a informação de que o Madrid quer ver como termina a atual temporada em questão de títulos, enquanto o Tottenham não apresenta nenhuma pressa. Particularmente, acredito que, independente da forma que a temporada acabe, a chegada de um 9 de classe mundial é indispensável e que o Madrid deve se movimentar, sobretudo pela saída de Cristiano Ronaldo e pela falta de competitividade pelo posto, já que Mariano sofre com constantes lesões e, quando joga, não corresponde como o do Real Madrid deveria.

Cristiano e Kane em ação durante partida da Champions League

Estamos falando de uma posição extremamente importante no contexto merengue e que demanda dois jogadores de alto nível e que possam se complementar quando necessário. A chegada de Kane não obriga a saída de Benzema, que está apresentando um bom rendimento nesta temporada. As características de ambos permitem que atuem juntos, tanto como titulares quando conveniente, ou em situações que ocorram durante o jogo, quando o Madrid necessite de maior poder de fogo para marcar gols.

Harry Kane é, sem sombra de dúvidas, a melhor contratação para suprir a falta de gols do Real Madrid e suas qualidades evidenciam que deve ser a prioridade em relação a outros atacantes, como Werner, Piatek e Icardi, visto que é muito mais participativo que o argentino, tão especulado no Bernabéu.

Além de ser um goleador, Kane apresenta uma postura extremamente profissional e características de um grande líder, envolvendo positivamente seus companheiros. Contribuindo para o jogo ofensivo da equipe, não apenas com (muitos) gols, mas com movimentações constantes entre linhas e passes precisos por conta de sua alta consciência tática, o inglês também participa intensamente dos momentos defensivos, mostrando ambição em recuperar a bola e ajudar a equipe em todas as circunstâncias, algo que não se vê em Gareth Bale, por exemplo.

Vejo que a taxa de transferência, após um longo período de negociações, pode ser fixada em um valor entre €150 milhões a €200 milhões. Algo elevado, mas dentro da realidade do mercado de transferências que está inflacionado a um ponto de que, se o valor determinado ultrapassar tal faixa mencionada neste parágrafo, seguirá sendo algo elevado, porém bastante previsível.

Que as negociações ocorram da melhor forma e que este craque possa alegrar os madridistas a partir da próxima temporada.

Kane sendo substituído em uma partida contra o Madrid pela Champions

Autor

Bacharel, Licenciado e Especialista em Educação Física.
Mestre e aluno de Doutorado em Desenvolvimento Humano e Tecnologias.
Treinador de futebol habilitado pela The FA (Inglaterra) – Nível 1.
Idiomas: Português (brasileiro), Inglês, Espanhol e Italiano.

Instagram e Twitter: @ericmrlima
E-mail: [email protected]
Site: mafiamerengue.com


Compartilhe
Eric Lima
Eric Lima
Bacharel, Licenciado e Especialista em Educação Física. Mestre e aluno de Doutorado em Desenvolvimento Humano e Tecnologias. Treinador de futebol habilitado pela The FA (Inglaterra) - Nível 1. Idiomas: Português (brasileiro), Inglês, Espanhol e Italiano. Instagram e Twitter: @ericmrlima E-mail: [email protected] Site: mafiamerengue.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: